Tipos de tarifas de luz

Desde a liberalização do mercado elétrico, proliferaram um grande número de comerciantes e, com eles, um número ainda maior de tarifas de eletricidade com características e benefícios muito diferentes, uma vasta gama de ofertas e descontos que convivem e se esforçam para serem os mais competentes. Essa heterogeneidade é muito conveniente para os consumidores, que buscam a opção perfeita sob medida para seu orçamento e hábitos de consumo.

Uma primeira divisão

O mais básico que devemos levar em conta na hora de buscar e contratar nossa tarifa de energia elétrica ideal é que existem dois tipos de mercado de energia elétrica, qual queremos aderir? Cada um tem suas qualidades, vantagens e desvantagens.
Por um lado, temos o mercado regulado. Neste mercado, o preço das tarifas de energia elétrica é determinado e fixado pelo Governo e, a priori, nenhum tipo de desconto pode ser aplicado — com exceção dos bônus sociais.
A primeira das tarifas de energia elétrica do mercado regulado que trataremos é o PVPC — ou Preço Voluntário ao Pequeno Consumidor. Essa tarifa de eletricidade só pode ser oferecida por um comerciante de referência e sua principal característica é estabelecer um preço diferente para a eletricidade a cada hora — um total de 24 preços. Para efetuar este registo de diferentes preços é necessário ter um contador inteligente e, além disso, os consumidores aderentes a esta tarifa de eletricidade não podem ter potência superior a 10 kW.
Por outro lado, encontramos a tarifa do Preço Médio Ponderado da eletricidade no mercado regulado. Em suma, esta tarifa de energia elétrica é o equivalente ao PVPC para aqueles consumidores de energia elétrica que ainda não possuem medidor inteligente em suas residências. O preço desta tarifa de energia elétrica é estabelecido a partir da média de todos os preços estabelecidos durante o período de faturamento.
E por fim, o mercado regulado oferece a Taxa Fixa Anual. Esta tarifa de eletricidade estabelece um preço que se manterá inalterado ao longo de um ano. É claro que se quer saber com antecedência o preço que seu consumo terá e não tomar nenhum susto, essa é uma opção bem atrativa. No entanto, também é conveniente saber que, ao aderir a esta opção, aceitamos uma estadia de um ano com o comerciante. No caso de querermos mudar a taxa ou o anunciante antecipadamente, teríamos que pagar 5% do restante do ano.
No mercado livre, por outro lado, cada fornecedor é livre para definir o preço que deseja para as tarifas de energia elétrica, bem como oferecer descontos e serviços adicionais. As taxas que podemos encontrar são tão numerosas e diferentes quanto existem profissionais de marketing, cabe a nós escolher a que mais nos atrai e, para isso, contamos com a ajuda inestimável de comparadores de luz.

Energia elétrica

Por fim, outro dos critérios para distinguir entre as diferentes tarifas de eletricidade é a potência.
Neste caso temos tarifas com potência inferior a 10 kW - existem opções tanto no mercado livre quanto no regulado com o PVPC -, aquelas que ficam entre 10 e 15 kW e até aquelas que ultrapassam os 15 kW.

Quero saber mais sobre as tarifas da Nabalia Energía

Vá para o WhatsApp